quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Paraolimpíadas 2008

Neste post, vou publicar o texto escrito pelo meu amigo e jornalista Luis Daniel, que fala, entre outras coisas, do pouco espaço que os jogos paraolímpicos têm na TV aberta. Esse texto foi publicado ontem no blog dele, o Reflexão Sobre Rodas (http://www.reflexaosobrerodas.blogspot.com/).

Paraolimpíadas X Olimpíadas

Por Luis Daniel

Você sabe quantas medalhas o Brasil já conquistou nas Paraolimpíadas de Pequim? Não? Foram 16, sendo oito somente de ouro, mais quatro de prata e o mesmo número de bronze. E vem mais medalha por aí, com a natação, atletismo e outros.

Como era de se esperar, por mim, um desempenho muito superior ao desempenho da delegação brasileira nos Jogos Olímpicos no mês passado.

Não há nenhum canal de TV aberta transmitindo o evento, onde um vice-campeão olímpico de uma das competições da natação não tem os dois braços.

O ufanismo dos jogos de agosto é muito grande, devido ao alto investimento que a mídia, no caso deste ano, Bandeirantes e Globo, faz para trazer as imagens para cá. O investimento publicitário, por causa disso também é enorme.

Mas para que gastar milhões de reais em um e evento que dá ao Brasil apenas três medalhas douradas? Tenho muitas restrições, mas muitas mesmo, ao Galvão Bueno, mas ele, em um de seus ataques histéricos, disse que falta um projeto olímpico para o Brasil, e ele está certo. Para um dia o nosso país ser uma potência precisa-se de uma infra-estrutura que está longe de haver por aqui.

Torço muito, para que um dia, e este é o papel deste blog também, o esporte paraolímpico brasileira tenha o mesmo espaço na mídia.


OBS: O Brasil já conquistou mais medalhas nas Paraolimpíadas.

2 comentários:

Fábio disse...

E ae Rodrigo!!
Gostei muito da sua resposta ao meu último comentário... Para mim é um prazer acompanhar seus posts, me emocionar, me encantar e me informar com diversos assuntos. E ao mesmo tempo, observar que seus textos criativos estão evoluindo ainda mais!
Concordo plenamente com o Lúís. Dão pouquíssimos espaços de mídia e de investimento às Paraolimpíadas! Mas mesmo assim, nossos atletas mandam muito bem no evento e com humildade conquistam tudo o que merecem!
Abraço

jairo disse...

É, Rodrigo... acho que o caminho para que os esportes "paras" sejam vistos como merecem ainda é bem longo. Vai da gente envolver cada vez mais pessoas na causa e mostrar que o valor de um desportista independe da sua "perfeição" física... Um grande abraço