segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Passeata Movimento Superação em São Paulo


NOTA: post parcialmente copiado do Blog Assim Como Você (http://assimcomovoce.folha.blog.uol.com.br/), escrito pelo jornalista Jairo Marques.

Povo, agora falta bem pouco para a passeata do Movimento Superação, na avenida Paulista, em São Paulo. Menos de 15 dias. Será no sábado, 6 de dezembro.

“Falai”: onde que eu vô pra gente se encontrar?

A concentração será na praça Oswaldo Cruz, que fica em frente ao shopping Paulista, em São Paulo, a partir das 10h. Os metrôs mais próximos são: Brigadeiro e Paraíso. Haverá vans do Projeto Carona que levarão esse povo malacado da estação Paraíso até o ponto de encontro!

Vão rolar aquelas camisetas ‘buniiiitas’ pra mode eu comprar e quanto é que morre?

Você poderá comprar lá, na hora do evento. Haverá uma banquinha vendendo as camisetas, Cds do Movimento SuperAçãoe e Squeezes! Os modelos antigos de camiseta custarão R$15,00 cada. Os modelos novos ainda não tiveram o preço definido, mas vão ficar show , quem tiver curioso terá que esperar até 6 de dezembro pra ver e vestir! O Cd custará R$ 10 e R$ 5,00 o squeeze.

Para ouvir as músicas do Cd você pode acessar o My Space:
https://webmail.grupofolha.com.br/owa/redir.aspx?C=1b4407991ac440ae83cd2c957e5a0a3e&URL=http%3a%2f%2fwww.myspace.com%2fmovimentosuperacao

Tá, eu vou, mas o que vai ter lá?

Vão rolar alguns shows, pessoas iguais e diferentes vão se encontrar, trocar idéias, antes vamos ter uma ginástica pra aquecer com a professora Carolina Ignarra (cadeirante), o Billy (o cara que manda em todo mundo) abrirá a passeata, os músicos do Cd Movimento SuperAção apresenta tocarão (Billy, Tupã e Juliana Caldas) teremos na caminhada os shows das bandas Good Fellas, Triagem Auditiva (banda do Rapha) e Mutualista. E muitas outras coisas.

Mas, vem cá... ‘causo’ de quê eu devo ir?

Pra mostrar a cara, mostrar que é cidadão, que tem deficiência, sim, e nem por isso quer ficar trancado dentro de casa, que precisamos de acessibilidade nas ruas e calçadas, que precisamos de transporte público acessível, de banheiros acessíveis, de lojas acessíveis para podermos exercer nosso direito de ir e vir, porque somos tão consumidores quanto uma pessoa que não tem deficiência, porque somos seres humanos, estamos vivos, existimos e queremos ocupar nosso espaço na sociedade, estudando, trabalhando e passeando, como qualquer pessoa faz.

Só o povo da Matrix de quem tem alguma deficiência deve ir?

De jeito nenhum! Todas as diferenças devem se unir, senão não seria inclusão, né não? Você sabe que quando o Movimento SuperAção nasceu e até hoje é assim: a maioria dos voluntários não tinha e não tem deficiência. Todos estão convidados, sem distinção de cor, orientação sexual, idade, deficiências. É um dia pra comemorar as diferenças. Vamos lá na paz, mostrar que estamos aqui e temos uma realidade pra mudar.

Mas vai gastar muito os pneus?

Sairemos da praça Oswaldo Cruz e ‘caminharemos’ até o vão livre do MASP (Museu de Artes de São Paulo). Com as famosas "pirocas" na mão (são os batecos do SuperAção), como dragão no peito e muito sorriso no rosto.

Fonte: Blog ´´Assim Como Você´´ (http://assimcomovoce.folha.blog.uol.com.br/)

Obs.: o jornalista escreveu este post- intitulado ´´Um post para copiar´´- e pediu para que os leitores divulgassem o evento. Se eu conseguir, irei lá. E se vocês puderem, compareçam.

Um comentário:

Fábio disse...

É muito legal a iniciativa do Movimento Superação... E por onde vai, muita gente se junta e caminha rumo a inclusão, ao convívio em igualdade, a um mundo que ofereça oportunidade para todos! Com certeza vai lotar a Passeata, muita gente se envolverá com os ideais e vai estar presente nesta celebração da união das pessoas!

Abraço